ERGYNUTRIL: os seus suplementos hiperproteinados, ricos em proteínas

Por que razão tomar proteínas?

As proteínas não são só para os atletas! Elas fazem parte dos nutrientes essenciais do nosso organismo e têm um  papel estrutural e metabólico muito importante em todo o corpo. Sem elas, não haveria vida! São compostas por aminoácidos, os elementos comuns a todas as proteínas, sejam elas animais ou vegetais. Existem 20 aminoácidos, dos quais 8 são os chamados aminoácidos essenciais, que o organismo não consegue produzir.

As fontes de proteína que ingerimos são decompostas em aminoácidos durante a digestão. Os aminoácidos libertados são transportados pelo sangue até às células, a fim de serem utilizados na formação de novas proteínas em todo o organismo. Estas proteínas participam em numerosos processos fisiológicos, sob a forma de enzimas (digestivas ou celulares), hormonas, receptores, imunoglobulinas (anticorpos), etc.

Assim, uma ingestão de proteínas (sob a forma de suplemento, como complemento alimentar ou proteína em pó, em creme ou em barras) será interessante nos seguintes casos:

Dieta ou perda de peso

Graças ao seu efeito satietogénico, as proteínas podem ajudar na perda de peso, como parte de uma alimentação equilibrada e de um estilo de vida saudável, permitindo um ligeiro défice calórico. Ajudam também a regular o apetite e, por conseguinte, a manter o peso. Assim, tornam possível acompanhar um processo de perda de peso sem perda da massa muscular.

Para obter os melhores resultados possíveis, é muito importante distribuir a ingestão de proteínas em função das várias alturas do dia: comer um pequeno-almoço rico em proteínas (ovos, lacticínios proteicos, suplementos de proteínas em pó ou em creme, etc.) e aumentar as fontes de proteína ao longo do dia, permite evitar a tentação de comer “fora de horas”.

Seniores - Idosos

 As proteínas são essenciais para a saúde dos idosos, porque ajudam a manter a densidade muscular e a prevenir a sarcopenia, ou seja, a perda de massa muscular relacionada com a idade. De facto, como os idosos são mais sedentários, são também mais suscetíveis à perda de massa muscular. Além disso, podem ter dificuldade em consumir proteína suficiente através da alimentação, devido a vários fatores, como a perda de apetite, os problemas de mastigação ou a diminuição do paladar e do olfato.

Os suplementos proteicos, disponíveis sob diferentes formas e gostos, podem ajudar a suprir as necessidades específicas desta população:

  • Os pós hiperproteinados, semelhantes aos utilizados pelos atletas, podem ser incorporados na alimentação do dia-a-dia.
  • Os produtos lácteos proteicos constituem uma fonte de proteína facilmente consumível.
  • Os cremes de sobremesa podem constituir um lanche saboroso e nutritivo.

Desporto e musculação

As proteínas fazem parte integrante do regime alimentar dos atletas. Na verdade, as proteínas formam as fibras musculares que se degradam e constroem durante a prática desportiva. As proteínas vão, portanto, ajudar a manter ou a aumentar a massa muscular, contribuindo para a reparação dos tecidos e das fibras musculares. A ingestão de suplementos para um reforço em proteínas será, portanto, interessante para os atletas em fase de recuperação, para melhorar o desempenho e aumentar a massa muscular, designadamente nas disciplinas de musculação.

Soro de leite, leite, ervilhas, soja... Que proteína escolher? Qual o produto mais eficaz?

Os suplementos alimentares proteicos podem ser uma solução prática para aumentar a ingestão de proteínas. Estão disponíveis sob diferentes formas, como batidos proteicos, barras proteicas ou cremes de sobremesa proteicos, e podem ser enriquecidos com outros nutrientes essenciais, como as vitaminas e os sais minerais.

Dependendo das necessidades específicas de cada indivíduo, podem ser privilegiados diferentes tipos de proteínas. Por exemplo, a proteína do soro de leite, um subproduto do queijo, é rapidamente absorvida e rica em aminoácidos essenciais. Outras fontes de proteína, como as proteínas do leite ou as proteínas vegetais do arroz, das ervilhas ou da soja, podem ser preferidas pela sua fácil digestão ou pelo seu perfil de aminoácidos. As proteínas vegetais, tão eficazes como as proteínas animais, serão perfeitas para os consumidores vegetarianos ou veganos, ou para os que são intolerantes à lactose e aos lacticínios! 

ERGYNUTRIL, uma nova gama para uma ingestão completa de proteínas

ERGYNUTRIL é uma nova gama de preparações ricas em proteínas!

É um produto composto por 2 tipos de proteínas:

  • 2 produtos à base de um isolado proteico de soro de leite, com aromas naturais de cacau ou baunilha. Compostas por 80% de proteína não desnaturada, estas fórmulas são suplementadas com 6 vitaminas e 5 sais minerais, e enriquecidas com glutamina, para uma digestão mais fácil.
  • 1 produto à base de proteínas vegetais (ervilhas, arroz e cabaça), com aroma natural de avelã e chocolate, para preparações apetitosas! Composta por 70% de proteína, esta fórmula é suplementada com 6 vitaminas e 5 sais minerais, e garante não conter proteína animal, soja (para limitar as alergias), edulcorantes ou corantes.

Quando e porquê tomar as proteínas de ERGYNUTRIL?

As proteínas de ERGYNUTRIL podem ser tomadas para:

  • Acompanhar as dietas e as perdas de peso.
  • Manter a massa muscular nos idosos e nos atletas.
  • Complementar a alimentação dos idosos.
  • Enriquecer a ingestão diária de proteínas pelos adultos

ERGYNUTRIL pode ser utilizado com a refeição ou como um lanche entre as refeições.

Vous avez l'air de naviguer depuis la France.
Cliquez ici pour visiter notre site français.